Entenda porque a suas mãos estão descascando tanto

Entenda porque a suas mãos estão descascando tanto (imagem: reprodução)

O hábito de lavar as mãos constantemente se intensificou durante a pandemia do novo coronavírus. Se, por um lado, água, sabonete e álcool em gel são aliados da prevenção, por outro, a pele das mãos pode ficar comprometida e descamar, alerta a dermatologista Gina Matzenbacher, da clínica Leger.

Se você também está com as mãos descamando ou observou a pele da região mais fina, a dermatologista dá dicas de autocuidados a seguir. Confira:

Muitas pessoas estão reclamando que as mãos estão descamando de tanto sabão e álcool em gel. Por que isso acontece?

Toda a mão sofre ressecamento, mas as regiões mais sensíveis são a palma, as cutículas e as unhas. Na palma da mão, temos última camada da pele, que é a região do estrato córneo. Ele que provoca o engrossamento quando usamos a vassoura em excesso ou fazemos musculação sem luvas apropriadas. Porém, com as lavagens frequentes, vamos perdendo essa camada mais grossa, o que provoca mais descamação e ressecamento.

Como evitar que as mãos descamem?

A única maneira de prevenir o ressecamento extremo da mão nessa época da pandemia é a hidratação. A dica principal é, pra quem está conseguindo fazer o isolamento social e se mantém em casa, dar preferência aos sabonete, que resseca menos que o álcool em gel.

O que é possível fazer que as mãos continuem descamando?

Hidratar com bastante frequência e diminuir o uso do álcool gel em casa. Em alguns casos, é preciso consultar um dermatologista para verificar se o problema já se transformou em uma dermatite. Alguns alimentos também são potencialmente irritantes, como o alho e a cebola, e picá-los com mais frequência pode acarretar o que chamamos de dermatite da dona de casa. Então, se a mão já estiver com dermatite, possivelmente vai precisar de tratamento com anti-inflamatório tópico.

Como hidratar as mãos corretamente?

Não tem muito mistério. Quanto mais grosso o hidratante, melhor o resultado. Sugiro massagem com creme específico para mãos, sem esquecer das cutículas e unhas.

Entenda porque a suas mãos estão descascando tanto (imagem: reprodução)

Alguma receita caseira para manter as mãos hidratadas?

Os cremes vendidos em farmácias tendem a ter um resultado bem melhor e, financeiramente, são mais econômicos do que as receitas caseiras.

Descamação entre os dedos é mais difícil de cuidar? Por quê?

A descamação entre os dedos não tem muita relação com o ressecamento da mão. Ela ocorre porque as pessoas tendem a não secar a mão direito. E quem passa muito tempo na cozinha costuma desenvolver dermatite por causa da umidade nessa região

Existe algum tipo de sabonete que devemos dar preferência, como os com PH neutro ou sem cheiro?

Todos os sabonetes tendem a causar o ressecamento se usados com muita frequência. Os de PH neutro também. Os que menos ressecam são os de tecnologia syndet, que não produzem espuma. Mas, neste momento de pandemia, não são os mais adequados.

Existe alguma substância presente em hidratantes que devemos evitar?

Na verdade, não. Todos os hidratantes que estão no mercado têm uma excelente formulação. A gente tem que ter alguns cuidados, por exemplo, com gestantes, que devem evitar os hidratantes com ureia. Em peles muito danificadas, com dermatite, a ureia pode causar ardência. A melhor opção são os cremes. Pomadas são interessantes para unhas e cutículas, e, às vezes, para uso noturno. Loções, por serem muito fluidas, não hidratam tanto quanto os cremes.

O excesso de higienização das mãos pode afetar as unhas?

Sim. Por isso a importância de, na hora da hidratação das mãos, não esquecer do cuidado com as unhas.

















Me encontre nas redes sociais:
Fonte: Assessoria de Imprensa

0 Comentários